Weinstein volta a tribunal para mudar de advogado 2 meses antes de julgamento

0
7

O produtor de cinema Harvey Weinstein voltou a ser visto na manhã desta quinta-feira em um tribunal de Nova York para confirmar uma nova mudança na sua equipe de defesa, apenas dois meses antes do julgamento no qual é acusado de vários crimes sexuais, marcado para o próximo dia 9 de setembro.

Após se desligar em janeiro do advogado Ben Brafman, que o defendeu desde sua detenção em maio de 2018, Weinstein contratou um “dream team” jurídico que incluía Ronald Sullivan e Jose Baez, conhecidos por casos de grande repercussão nos Estados Unidos, mas estes também acabaram se desvinculando do produtor.

Lançamento