Cesare Battisti é preso em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia

0
3641
Cesare Battisti capturado em Santa Cruz de la Sierra, Bolívia - Foto: Interpol

Uma equipe especial da Interpol formada por investigadores italianos capturou o terrorista-assassino de 64 anos Cesare Battisti, um fugitivo a partir de dezembro de 2018, após a revogação do status de residente permanente no Brasil e a ordem de extradição do presidente Michel Temer.

Uma equipe especial da Interpol formada por investigadores italianos capturou neste sábado (12) o terrorista-assassino Cesare Battisti (64), que estava foragido desde dezembro de 2018, após a revogação do status de residente permanente no Brasil e a ordem de extradição assinada pelo ex-presidente Michel Temer. Segundo o jornal italiano Corriere della Sera, ele foi preso na noite de 13 de janeiro, em Santa Cruz de la Sierra. Battisti estava sozinho e não resistiu a prisão. Ele trajava uma calça azul e camiseta, com uma barba falsa e um par de óculos como disfarce.

Batisti será extraditado e levado para Itália, onde foi condenado por quatro assassinatos nos anos 1970 e cumprirá prisão perpétua.